Tipos de parto: normal, natural, cesárea e curiosidades

3 min


Tipos de parto
Existem alguns tipos de parto. Saber o que é cada um pode te ajudar neste momento tão especial.
É importante conhecer os tipos de parto disponíveis para ter certeza de suas opções no momento do nascimento do bebê. Assim como ter consciência do que é realmente importante para você.

Os tipos de parto mais comuns são classificados em:

  • Parto natural
  • Parto normal
  • Parto cesárea

O que é um parto natural?

Parto natural é quando o bebê vem ao mundo por via vaginal sem nenhum tipo de intervenção. Sem que a mãe use analgésicos ou anestesias para dor. Sem que o bebê seja puxado ou induzido ao nascimento.

>> Parto: o quê acontece com seu corpo quando o bebê vai nascer

O que é um parto normal?

O parto normal acontece quando o bebê vem ao mundo sem intervenções cirúrgicas, por via vaginal. No entanto, neste tipo de parto, a mãe pode optar por receber anagelsia e anestesias para diminuir a dor.

No parto normal, também pode ser que hajam intervenções para facilitar o nascimento do bebê, dependendo do caso. É preciso estar atenta para não sofrer intervenções que configurem como violência obstétrica. Escolher bem sua equipe de parto é essencial neste processo.

>> Nascimento por vias normais: como é, como acontece e você vai sentir muita dor?

O que é um parto cesárea?

O parto do tipo cesárea é uma intervenção cirúrgica feita na barriga da mulher para retirar o bebê. A mãe recebe analgesia e anestesia. Este tipo de parto só é aconselhado em caso de necessidade real.

>> Nascimento por cesárea: tudo o que você precisa saber

Parto humanizado é tipo de parto?

O parto humanizado é uma forma de conduzir o nascimento do bebê que pode acontecer em todos os tipos de parto. Mesmo em uma cesárea, o parto humanizado pode ser possível. O termo humanizado significa que a equipe que acompanha a mãe criará um ambiente propicio para que a entrada do bebê neste mundo seja gentil e acolhedora. Para que a mãe se sinta acolhida e atendida em suas necessidades, bem como tenha seus desejos e expectativas, na medida do possível, atendidas.

Habitualmente sem intervenções ou nenhum tipo de violência obstétrica, o parto conduzido de forma humanizada é a melhor forma de trazer nossos bebês ao mundo.

>> Banho humanizado no bebê relaxa e aumenta o vínculo

Parto na água

O bebê pode ser recebido durante o nascimento de forma humanizada e até mesmo em uma banheira cheia de água. A maioria dos nascimentos na água são feitos em casa. Alguns hospitais e centros de parto oferecem este tipo de serviço. 

A água relaxa a mãe e facilita o trabalho de parto. Há pouco risco de afogamento, pois um recém-nascido não respira pela primeira vez até que seja exposto ao ar. 

Nascimentos na água não são recomendados para mulheres que correm risco de complicações ou parto prematuro e precisam de acompanhamento mais próximo.

Os locais para o bebê nascer independem dos tipos de parto?

Não exatamente. Os tipos de parto podem indicar onde será possível o bebê nascer ou não.

1. Nascimento Hospitalar

A maioria dos bebês nascem em ambiente hospitalar. Muitos hospitais possuem salas de parto específicas e alguns, hoje em dia, possuem salas para parto humanizado.

2. Casas de parto

As casas de parto são independentes e defendem o parto natural e humanizado para mulheres com baixo risco de complicações. As casas de parto possuem uma atmosfera como uma casa comum. O atendimento médico é administrado por parteiras enfermeiras ou parteiras certificadas. Não é possível fazer cesáreas de emergência em casas de parto.

3. Parto em casa

Um parto em casa não é para todos, além do alto valor para pagamento da equipe, somente uma gravidez sem riscos esta apta. O atendimento de emergência não está imediatamente disponível se complicações surgirem durante o parto. Os profissionais que atendem mulheres em partos domiciliares são treinados para fornecer alguns cuidados médicos limitados, casos graves precisam ser atendidos no hospital. A equipe que acompanha este tipo de parto precisa ser experiente e capacitada. Doulas não fazem parto.

Profissionais do parto e amamentação:

1. Obstetra

Profissional especializado no cuidado das mulheres e sua saúde reprodutiva. A obstetrícia lida especificamente com gravidez e nascimento. Nem todo ginecologista é um obstetra. E há algumas enfermeiras que são obstetras.

2. Parteira

A parteira costuma atender em um ambiente não cirúrgico. São geralmente enfermeiras com treinamento em obstetrícia e certificado. Ou seja, um enfermeira obstétrica. Costuma ser um atendimento complementar a equipe médica e não único.

3. Doula

Doula não faz parto. De novo: doula não faz parto. A doula é uma pessoa treinada para acompanhar a gestante. Ela oferece apoio emociona e físico durante o trabalho de parto. Elas podem se envolver durante a gravidez ou apenas durante o trabalho de parto. Muitas oferecem apoio pós-parto.

4. Consultora de Aleitamento Materno ou Promotora de Amamentação

A profissional de aleitamento oferece informação, apoio e incentivo ao aleitamento materno durante a gestação ou no pós-parto. Resolve questões relacionadas ao aprendizado da mãe em amamentar e facilita sua história de amamentação. Também ajuda a mãe nos desafios do aleitamento que envolvem: mastites, ingurgitamento mamários, pega correta para amamentar, posições para amamentar e tudo que envolve a amamentação.


Like it? Share with your friends!

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
0
Gostei
Amei Amei
0
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn

Deixe um Comentário

comments

error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)