Crianças e pré-adolescentes: desenvolvimento de 7 a 12 anos

3 min


crianças, pré-adolescentes

As crianças irão crescer sem que a gente perceba. Quando nos dermos conta, serão adolescentes.

Talvez um dos grandes desafios da maternidade seja ver nossas crianças crescendo e o tempo passando. No entanto, podemos olhar para esta passagem de tempo de forma alegre e entender como o desenvolvimento saudável de nossos filhos é um grande prêmio nesta grande jornada materna.

Tente ser positiva e basear sua criação na empatia, conversa calma e apoio emocional para seu filho crescer saudável.

>> 12 ideias de criação para que seu filho seja feliz

Desenvolvimento de crianças e pré- adolescentes: do que esperar?

Nesta fase de saída da infância para a adolescência, os hábitos de internet e uso de celulares estão estabelecidos na vida da sua criança, por isso, fique atenta:

  • Bullying e pedofilia online é um risco real: acompanhe as amizades e conversa de seu filho online.
  • Converse sobre hábitos mais saudáveis como não ficar tão focado em uma vida online e sim, encontrar seus amigos pessoalmente.

>> Como denunciar pedofilia online e o abuso sexual infantil

7 a 8 anos de idade

A pouco tempo atrás seu filho ou filha tinha apenas 5 anos, 6 anos e de repente chega os 7. Esta é uma fase de grande mudanças. É o início da puberdade e as mentes de nossas crianças começam a entender o pensamento lógico e abstrato.

>> Criação com apego: o que é e seus 8 princípios

Nesta fase, eles possuem padrões morais que os guiarão pela vida inteira.

No entanto, além de desenvolverem a própria identidade, também são muito influenciados pelos amigos.

Felizmente e por enquanto, esta influência se limita a cortes de cabelo e estilo de roupas.

Nesta fase, abandonamos as cadeirinhas para carro que por tanto tempo carregou nossos bebês e dizemos olá para o assento de elevação.

Saiba mais aqui >> Cadeirinha para Auto: você saber como escolher a cadeirinha de bebê?

Ainda que seu filho esteja na idade de mudar da cadeirinha para o assento, é preciso verificar se ele possui peso e altura, além da idade.

Nesta fase, inicia-se as preocupações com a escola. Faça as lições junto com seus filhos e os ajude. Isto irá melhorar o desempenho escolar deles.

9 a 10 anos de idade

Seu filho já entende muita coisa e se você conversar com ele sobre hábitos de uma vida saudável física e emocional, tenha certeza: ele irá entender.

Se alimentar bem e saber escolher o que come todo dia é uma responsabilidade que nesta idade, eles já podem ter. Criar uma rotina de hábitos noturnos sempre indo dormir no mesmo horário e não tão tarde irá ajudá-lo na escola e a crescer com mais saúde.

>> Dormir para crescer: o hormônio do crescimento nas crianças

É nesta fase também que importantes dúvidas e discussões podem surgir e você pode iniciar conversas sobre:

  • Drogas: cigarros, bebidas e outras drogas
  • Sexo (porque é cedo para eles) e proteção
  • Fale sobre consentimento e cuidado (abusos sexuais e como se proteger dos riscos)

Estimule a auto estima da sua criança, observe aos sinais deles estarem sofrendo bullying na escola ou em outros lugares.

>> Bullying: Um Mal Silencioso na Vida Infantil

11 a 12 anos de idade

É real, seu filho cresceu e esta entrando na pré-adolescência. Por mais que isto lhe dê um frio na barriga, saiba que você cresceu como mãe ou pai ao longo desses anos também.

Todos estão mais experientes nessa coisa toda de ser pai, mãe e filho.

Este é um momento de grande mudança na vida do seu pré-adolescente. A mente do seu filho esta explorando novas formas de pensar à medida que sua moral continua se desenvolvendo.

Seus amigos exercem uma forte influência sobre ele e por isso é importante estar próximo e ter vínculo com seu filho, para você ser uma influência maior ainda.

>> O vínculo afetivo no desenvolvimento infantil: 5 dicas para tê-lo

Observe os sinais de possíveis uso de drogas:

  • Mudança de comportamento
  • Baixo desempenho escolar
  • Mudança no padrão de amizades
  • Afastamento da família e pessoas próximas

Acompanhe o uso que seu filho faz da internet

Jogos, filmes, conversas online com estranhos, envolvimento em discussões e confusões online. Seu filho ainda não tem idade para ter senhas que você desconheça. Controle as senhas e acesso do computador e celular dele. Seja presente.

>> Dicas para não expor seus filhos na internet

Saiba que adolescentes também podem sofrer de estresse causados por:

  • Perda ou mudança de amigos
  • Bullying: ser provocado ou intimidado
  • Problemas em casa, na escola e mudanças

O estresse pode desencadear o uso de drogas, problemas comportamentais, dores físicas e até insônia. Crises de raiva, mudanças de humor, tristeza e depressão. Fique atento.

Mantenha a comunicação e o diálogo calmo e sempre positivo com seu filho. Não grite, converse. A mente do seu filho esta em ebulição, e tudo o que ele precisa nesta fase é de calma das pessoas que ele mais ama.

>> Seu filho é um problema ou você esta com um problema?


Like it? Share with your friends!

What's Your Reaction?

Uau Uau
2
Uau
Gostei Gostei
2
Gostei
Amei Amei
5
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn
error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)