A Encantadora de Bebês: é um livro ou é a mãe?

As vezes, o que é melhor para uma dupla mãe e bebê não esta em nenhum livro ou artigo.2 min


a encantadora de bebês
Advertisements

O livro A Encantadora de Bebês é conhecido de algumas mães. Amado por umas e odiado por outras.

Isto porque, caminhar no campo minado da maternidade não é nada fácil e se auto declarar como a encantadora de bebês pode até ser um tiro no pé. Ou uma pisada na bomba.

>8 erros de criação que pais cometem

Advertisements

Quem acompanha o Mãe Pop a muitos anos sabe que o objetivo aqui é dar força e poder as mães. Autonomia e segurança em sua maternagem. Falar sobre criação com apego e quebra de ciclos. Isto as vezes dói um pouco, mas é necessário em nossa reconstrução diária.

>> Criação com apego: o que é e seus 8 princípios

Então, se há por aqui alguma com o título de “A Encantadora de Bebês”, saiba que ele é de todas as mães. Cada uma em seu desafio diário tão diferente e ao mesmo tempo tão parecido com o de outras mães.

O livro A Encantadora de Bebês possui duas versões de literatura e ambos prometem resolver seus problemas maternos do nascimento a primeira infância. Transformar pequenas crianças trabalhosas em anjinhos da rotina.

Se você é mãe de um bebê maior e chegou até esta parte do artigo já sabe algo muito óbvio: rotina para recém nascido? ha-ha-ha.

Advertisements

Veja aqui >> Rotina do bebê: o que fazer para um dia-a-dia tranquilo

Mas a questão maior não é essa. A grande questão em livros com técnicas de treinamento e rotinas para bebês é que a mãe se perde no processo. E em muitos casos, o bebê como sujeito é desconsiderado.

A mãe fica presa a técnicas quando, na verdade, maternar é olhar para dentro. E é também olhar para o seu bebê, aprender a conhecê-lo e criar vínculo com ele. Isto te dará autonomia e força para entender o que é melhor para vocês dois.

Advertisements

>> Ser mãe: um reencontro com nós mesmas

E as vezes, o que é melhor para uma dupla mãe e bebê não esta em nenhum livro ou artigo. Não está em nenhuma técnica ou dica.

Advertisements

A solução pode ser encontrada em um simples olho no olho, bater de corações ritmados, peito com leite no calor da mamãe e colo.

Leia mais aqui >> Mães e bebês sincronizam os batimentos do coração apenas sorrindo um para o outro

A solução geralmente é amor, contato e empatia. A maioria das mães que seguem esta receita e ouvem a si mesmas durante o processo, se dão muito bem.

Veja aqui >> Atenda o choro do bebê: segundo pesquisa pais devem dar colo e atender seus bebês

Advertisements

E isto não significa não ler nada a respeito de maternidade. Significa que quando você ler qualquer coisa sobre maternidade e criação de filhos, deve sempre se perguntar se é algo que você gostaria que seus pais tivessem feito com você.

Talvez a grande pergunta para resolver nossos problemas maternos é voltar para o início de tudo. Pensar sobre quando éramos crianças e como gostaríamos de ter sido criados, ouvidos, amados, acolhidos.

Fazer uma reflexão crítica sobre sua infância, abraçar sua criança interior e oferecer para o seu bebê, tudo o que você, quando criança, gostaria de ter tido e não teve.

E nunca se esquecer de algo muito importante: a encantadora de bebês aqui é você. Mas só do seu, claro.

Advertisements

Advertisements
Advertisements

Like it? Share with your friends!

What's Your Reaction?

Uau Uau
1
Uau
Gostei Gostei
0
Gostei
Amei Amei
1
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn
error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)