Amamentar diminui os riscos da mãe ter ataque cardíaco

Evidências sugerem que a amamentação está associada a benefícios para a saúde cardiovascular materna.2 min


63 shares
ataque cardíaco

A amamentação pode diminuir o risco de mulheres terem um ataque cardíaco.

Pesquisas sugerem que amamentar diminui os riscos de mulheres ter câncer de mama e de ovário, mas também de terem um ataque cardíaco.

Amamentar não nutre o coração da mãe apenas com vínculo e proximidade com o bebê, mas também diminui riscos reais de problemas cardiovasculares.

A amamentação tem sido associada ao menor risco da mãe desenvolver diabetes, colesterol alto, pressão alta e agora doenças cardíacas.

Ataque Cardíaco Prevenção

Segundo a Dr. Nieca Goldberg, do Centro de Saúde da Mulher de Joan H. Tisch, da Universidade de NY, a prevenção esta possivelmente associada a liberação da ocitocina durante a amamentação. Isto promove o relaxamento dos vasos sanguíneos.

>> Ocitocina na amamentação: hormônio do amor e ejeção do leite

Além disso, devido ao ato de amamentar, mães fazem escolhas mais saudáveis tanto em sua alimentação quanto em seu estilo de vida.

A teoria também levanta a hipótese do grande número de calorias que a amamentação queima favorecer a prevenção ao ataque cardíaco.

>> Amamentar emagrece mesmo ou é mito?

O estudo de 2017 publicado no Journal of American Heart Association descobriu que a amamentação ajuda a reduzir o risco de ataque cardíaco e derrame.

Em geral, as evidências sugerem que a amamentação está associada a benefícios para a saúde cardiovascular materna que se estendem desde os anos férteis até a idade adulta. Fonte: Breastfeeding and maternal cardiovascular risk factors and outcomes: A systematic review

O processo de perda de peso com a amamentação, pode estar relacionado a redefinição do metabolismo do corpo após o parto.

>> Amamentação e perda de peso: quando você perde demais

Porém, o motivo exato deste benefício produzido pela amamentação ao corpo das mulheres ainda não esta totalmente definido.

No entanto, fique calma caso você não tenha amamentado.

Nenhuma pesquisa diz que não amamentar aumenta os riscos de desenvolver problemas cardíacos.

>> Não amamentar: por que algumas mulheres não conseguem?

Segundo a Dr. Goldberg, “há muitas outras coisas que você pode fazer para melhorar sua saúde cardíaca. Por exemplo, toda vez que você leva seu bebê para passear, você também está se exercitando.”

Mulheres que tiveram pré-eclâmpsia e diabetes gestacional podem se beneficiar da amamentação, já que estas condições são um fator de risco maior para problemas cardíacos.

>> Diabetes Gestacional: O que é, sintomas, dieta e tratamento

Isto não sugere que mesmo amamentando, não se deva tomar decisões saudáveis a respeito de nosso estilo de vida.


Like it? Share with your friends!

63 shares

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
1
Gostei
Amei Amei
1
Amei
Ouwn Ouwn
1
Ouwn
error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)