Mães mudam o mundo e criam conteúdo humano

2 min


218 shares
Mães mudam o mundo

Algumas pessoas não entendem o que uma mãe faz o dia inteiro, todo dia, sem descanso ou folga nem mesmo aos finais de semana ou madrugadas. Mães mudam o mundo.

As pessoas tem uma visão distorcida do que realmente uma mãe faz. Quando imaginam uma mãe, pensam nela como a mulher que pode assistir a sessão da tarde, acompanhar todas as novelas e fica de pernas para o ar. Quanto engano.

Muitas mães mal tem tempo de respirar. Acredite. Criar uma criança demanda muito tempo e muito de qualquer mãe.

Ela se doa completamente as necessidades do filho com o intuito de fazê-lo crescer de uma forma saudável e feliz. Os dias dela são mais agitados e as vezes com mais pressão do que qualquer trabalho formal.

E coloca pressão nisto, afinal criar um novo ser para integrar a sociedade é uma grande responsabilidade.

Ser mãe também é desenvolver conteúdo humano o dia todo, todo dia sem descanso.

Mães pesquisam muito, sobre tudo. Porque qualquer coisa que pode acontecer de diferente com o seu filho, ela quer estar preparada para intervir da melhor maneira possível.

Então, quando conversar com uma mãe, não pense que o fato dos filhos dela ser quase sempre o assunto principal da conversa a torna uma pessoa que não entende de nenhum outro assunto, muito pelo contrário, ela esta por dentro de praticamente tudo e isso vai variando de acordo com a idade de crescimento do filho.

É a mulher que mais entende de aspectos relacionados as idades de recém-nascidos até a idade adulta.

Carrega consigo o conhecimento humano como ninguém. Sabe identificar num olhar coisas que palavras não conseguem expressar. Não se espante, se você, um adulto for pego na mentira por uma mãe, elas ficam craques em identificar olhares, perceber sentimentos e o pior, o deboche, o desdém.

Então: cuidado, uma mãe merece ser tão bem tratada como ela te trata.

Leia também:

Nunca lhe diga que ela é “apenas” mãe. Nenhuma mãe é “apenas” isto, são mais e muito importantes para a sociedade.

A valorize. Aquele cidadão que você encontra no meio do caminho, na rua, no trabalho, na escola, por aí…foi criado por uma mãe ou alguém que cumpriu este papel.

O que aconteceria se todas as mães se vissem como indiferentes ao que fazem todos os dias sem descanso e fins de semana? Que tipo de pessoas elas ensinariam a viver em sociedade?

Qualquer profissional, de qualquer profissão, se sente desmotivado quando suas atividades não são valorizadas, imagine só uma mãe. O papel da mãe é tão importante para o próprio filho como pra você.

É uma teia, um sistema que se interliga em várias situações, em vários momentos da vida. Pode não ser hoje, nem amanhã. Pode ser daqui a alguns anos, mas você sempre irá conectar a sua história com a de alguém que teve uma mãe ou uma outra pessoa que fizesse este papel.

De todas as profissões, a de mãe é a “não profissão” mais importante.

Que tem relevância atemporal e pode significar na vida até mesmo de quem não teve contato com aquela mãe, mas sim com o filho dela. Uma mãe cria conteúdo humano para que este seja capacitado para se desenvolver em qualquer outra profissão e melhor, cria conteúdo humano que lida com a vida e com outros humanos da melhor forma possível.

Quando uma mãe te disser que é mãe, não precisa exaltá-la para que ela se sinta importante, ela já sabe a importância que tem na vida do filho, apenas a compreenda. Se você teve um dia difícil, entenda que ela também pode ter tido.

A veja com igualdade e relevância. A maternidade é um bem social que pode e deve ser compartilhado.


Like it? Share with your friends!

218 shares

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
0
Gostei
Amei Amei
0
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn

Deixe um Comentário

comments

error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)