Mãe onça, cuidado! Quando mexem com o seu filho…

2 min


mãe onça
mãe onça

Apesar de ser uma mãe onça, você geralmente é pacata e super tranquila. Seu bebê como a maioria dos bebês e crianças segue o fluxo do ambiente e então não há nada para se preocupar.

Mas isso pode mudar em segundos se você percebe que alguém esta desrespeitando seu filho ou fazendo alguma coisa que o machuque. Isto incluí outras crianças. O mundo infantil é complexo e por vezes as crianças são reflexos do que vivenciam em suas casas.

Se ela vive em um ambiente onde ela não é respeitada, amada e sofre bullying dos próprios membros da família, provavelmente esta criança irá reproduzir isto na rua com outras crianças, provavelmente menores do que elas.

Ora, este é o exemplo que ela conhece de relacionamento: um maior abusando de um menor.

E nós mães teremos que vivenciar estas situações com jogo de cintura e muito controle emocional. A criança que agride nem sempre tem culpa, ela é fruto de um sistema em que vive que a empurra a ser assim. De repente pais ausentes ou agressivos.

Quando uma criança que vem de um lar deste esbarra com o seu filho, que vem de um lar completamente oposto, onde ele tem amor, respeito, carinho e é ouvido, nem sempre as coisas vão bem porque o seu, não vai responder com agressividade e pode ser aquele que apanha ou que chora e corre.

Muitos pais ensinam seus filhos a revidar. Ora essa, tem que se defender do mundo, eles pensam.

Uma mãe onça geralmente não se cala a injustiças e desrespeito, mas uma mãe onça de verdade vai chegar junto dos pais, dos educadores e qualquer responsável pelo pequeno causador de confusão. Porque com eles ela vai conversar de igual e na mesma altura. “Téte a téte” e quero ver agir com uma mãe onça como age com a criança.

Se tem uma coisa que uma mãe onça não tem medo é de encarar adulto mal educado e que trata a criação dos filhos como chaveiro de luxo para se enquadrar no padrão, mas que na prática não faz nada de bom. É meio absurdo você ter que dizer: Ei adulto, vem cá…o que acontece aí nesta criação?

Geralmente a frase é sempre a mesma:
“Cada mãe sabe o que é melhor para o seu…zzzzzzzz…”

Esta é a frase que algumas pessoas repetem como mantra para se defender das bobagens que andam fazendo por aí com os próprios filhos. Espera aí, nós vivemos em uma sociedade e como tal, nossas ações podem, em grande parte dos casos, influenciar os outros.

Leia também:

É uma teia, todos estão interligados de uma forma ou de outra, somos feitos de conexões.

Se o seu filho esta machucando outra criança, a mãe da outra criança vai interferir. E aí minha amiga, não tem essa de frasezinha não…a mãe onça vai chegar em você e te colocar na parede. Opa, espera aí…com o meu não!

Colocar uma criança no mundo envolve a responsabilidade de educá-la e ensiná-la a respeitar os outros com todas as suas diferenças e individualidades.

Ensinar que o coleguinha da creche, da escola, do parque, da rua, da loja, do shopping…merece respeito. É assim que criamos uma corrente do bem. Ser ausente e irresponsável na criação dos filhos é cutucar mães onças com vara curta, você nunca vai saber onde vai esbarrar com uma. E se bobear, vai acabar sendo chamado atenção.

Já imaginou? Uma mãe onça empoderada, então…nem queira ver ela em ação!

gif mãe onça

 


Like it? Share with your friends!

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
0
Gostei
Amei Amei
1
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn

Deixe um Comentário

comments

error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)