Leite materno marrom: síndrome do cânulo enferrujado na amamentação

2 min


Leite materno marrom

Você sabe o que é a Síndrome do Cânulo enferrujado que deixa o leite materno marrom?

Esta condição na amamentação que pode deixar o leite materno marrom costuma acontecer no início da amamentação, logo após o parto.

O leite materno fica com uma aparência de água suja, laranja ou ferrugem. Esta cor vem de uma pequena quantidade de sangue que se mistura no leite materno no momento de sua saída.

Falando de uma forma bem simples: entenda que os cânulos ou dutos de leite estavam vazios a muito tempo e como em um cano, nenhum líquido percorria ali dentro, apenas sangue. Com a produção de leite materno, no momento de saída deste primeiro leite, ele se mistura com resquícios de sangue que haviam nos dutos e saem junto.

Embora o leite materno marrom possa parecer um problema, saiba que não existe nenhum problema nisto e que o bebê pode consumir este leite tranquilamente.

O leite materno marrom ou com sangue, é temporário e não é perigoso para o bebê e nem para a mãe.

O bebê não notará diferenças em seu sabor e o leite materno continuará sendo importante e essencial para o recém-nascido.

Quanto tempo o leite pode sair com sangue ou de outra cor?

Pode durar por alguns dias e começa a melhorar assim que a produção de leite se acumula e se estabelece na mama. Quanto mais o bebê mamar, mais rápido o leite volta para sua cor habitual (o que também depende de mulher para mulher).

Entenda que os dutos estão passando por uma limpeza com o leite que os percorre e assim que a cor do leite materno volta a cor habitual, isto significa que esta limpeza esta terminada e seus dutos agora possuem em maior quantidade leite percorrendo por eles.

O que faz com quê o leite materno fique de outra cor, no caso marrom ou com sangue?

Esta cor diferente no leite materno nos primeiros dias pós-parto é resultado de sangue velho dentro dos dutos de leite em possíveis ingurgitamento vascular dos seios.

O que é ingurgitamento vascular dos seios?

O ingurgitamento vascular é quando uma parte do corpo se enche de sangue ou outro fluido. Quando você está grávida, seus seios passam por muitas mudanças para se preparar para a amamentação.

Há um grande aumento no fluxo sanguíneo para os seios, pois os dutos de leite e as glândulas que produzem o leite materno crescem e se desenvolvem muito rapidamente. Parte desse sangue fica nos dutos de leite e sai durante os primeiros dias de amamentação.

Como você pode ler, uma pequena alteração de cor no leite materno no pós-parto ou sangue presente no leite materno após o parto não é algo para se preocupar ou que indique desmame.

Muito menos é preciso interromper a amamentação. O ideal é que o bebê continue mamando normalmente.

Leia mais:

Referências:

Barco I, Vidal M, Barco J, Badia À, Piqueras M, García A, Pessarrodona A. Blood-Stained Colostrum and Human Milk during Pregnancy and Early Lactation. Journal of Human Lactation. 2014 Nov 1;30(4):413-5.
Lawrence, Ruth A., MD, Lawrence, Robert M., MD. Breastfeeding, A Guide For The Medical Profession Eighth Edition. Elsevier Health Sciences. 2015.
Newman, Jack, MD, Pitman, Theresa. The Ultimate Breastfeeding Book of Answers. Three Rivers Press. New York. 2006.


Like it? Share with your friends!

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
0
Gostei
Amei Amei
1
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn

Deixe um Comentário

comments

error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)