5 dicas para ajudar seu filho no desfralde

3 min


317 shares
5 dicas para ajudar seu filho no desfralde

Veja nestas 5 dicas para ajudar seu filho no desfralde como tornar as coisas mais fáceis para todos durante o processo.

O que fazer quando seu filho está pronto para abandonar a fralda? Se ele já deu os sinais de estar preparado, e escrevi sobre estes sinais aqui: Esta na hora do desfralde? esta na hora de você aprender 5 dicas para ajudar seu filho no desfralde e tornar tudo mais simples e fácil para todos os envolvidos no processo.

Claro que o que funciona para um pode não dar certo com outro, tudo depende da personalidade de seu pequeno. Em geral, essas dicas irão te ajudar no processo.

1. Converse com seu filho sobre o assunto

Sente-se e discuta algumas questões chave sobre o banheiro. Por exemplo, diga a ele que todo mundo vai ao banheiro (mesmo os animais) e é uma parte normal da vida. Fale sobre o banheiro, um lugar especial onde ele pode fazer cocô e xixi de forma particular.

Explique que ele vai usar roupas íntimas em vez de fraldas, como você. Aproveite este tempo para ler alguns livros ou assistir a vídeos sobre ir ao banheiro, e não se esqueça de envolver outros membros da família, especialmente os irmãos mais velhos que já estão usando o banheiro.

2. O envolva na escolha dos produtos de treinamento

Envolva o seu filho na compra das cuecas ou calcinhas, um banquinho e adaptador para o vaso. Esses itens terão muito mais significado se ele estiver envolvido no processo de tomada de decisão.

Decida se você vai ou não usar penicos, calças de treinamento ou roupas de baixo comum.  Aqui usamos as cuequinhas comuns, comprei várias de personagens que meu filho adora e ele vibrou.

Tente ter estas decisões de como e o que vai usar bem definidas para que seu filho não fique confuso. Aqui usei cuecas comuns + penico para a primeira fase fazendo xixi e cocô sentado, na segunda fase passamos para a parte de aprender a fazer xixi em pé como o pai e agora entramos com o suporte do vaso (que eu acho muito melhor, mais higiênico e prático do que o penico, mas como ele tinha medo do vaso, comecei pelo penico).

3. Use roupas fáceis de vestir e tirar no começo

Guarde toda a roupa difícil até que o desfralde esteja completo. Macacões, calças com muitos botões, zipers, roupas apertadas ou restritivas, tudo será um obstáculo para o seu filho durante o desfralde. Mesmo que ele consiga segurar um pouco, se não conseguir tirar a roupa rapidamente pode se sentir frustrado. Aqui usei sempre roupas simples, shorts e calças de elástico simples e moletom além de camisetas não muito longas, pois elas podem molhar no meio do processo.

4. Pense em maneiras de incentivá-lo, elogiar e principalmente entender sobre os “acidentes”

Pense sobre como você vai tentar abordar essas coisas com seu filho. Enquanto o desfralde progride, você pode ter que mudar métodos muitas vezes de acordo com as necessidades dele (e suas). É útil, no entanto, ter algumas coisas delineadas em sua mente. Pense se você deseja ou não usar recompensas. Descubra uma estratégia sobre como lidar com as vontades de fazer xixi e cocô fora de casa. Pratique uma resposta calma para os vazamentos e acidentes para dizer em sua mente.

Como fiz aqui: No começo eu levava a fralda nas saídas de casa e caso ele não quisesse usar o vaso de onde estávamos, eu colocava a fralda nele e explicava o motivo. Tive que fazer isto algumas poucas vezes já que inicialmente o meu filho tinha medo do vaso. Na segunda etapa quando ele aprendeu a fazer xixi em pé e a sentar no vaso, tudo ficou mais simples. Nos acidentes de vazamentos eu sempre dizia: Tudo bem, acontece, filho! (de bom humor) E com o tempo ele começou a ficar mais de boa com isto, mesmo porque, eles podem chorar nos vazamentos, por se sentirem frustrados por não ter conseguido fazer onde deve a tempo. Nunca brigue com seu filho quando ele fizer no chão ou na calça e nem faça piadinhas sobre o assunto, encare com naturalidade.

5. Converse sobre o método que você esta usando em casa na escola

Você e os cuidadores devem estar todos na mesma página do desfralde. Diga não aos desfraldes em grupo promovidos por algumas escolas sem levar em consideração o tempo individual de cada criança. Exija que as coisas sejam feitas dentro do tempo do seu filho sem pressão ou desespero. Converse com a escola sobre como você esta fazendo o desfralde e como gostaria que a escola lidasse com o assunto também. Deixe claro que não apoia um desfralde punitivo e sim um desfralde positivo e respeitoso.

Leia também:


Like it? Share with your friends!

317 shares

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
0
Gostei
Amei Amei
0
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn
error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)