Sinais de desmame natural: 10 coisas para saber se seu filho esta pronto

4 min


1.2k shares
sinais de desmame

O desmame natural é o ápice da amamentação, mas é preciso observar os sinais de desmame que a criança dá e se ela esta realmente preparada.

Você saberia identificar os sinais de desmame no seu filho? Costumo dizer que o desmame natural é o ápice da amamentação.

>> O desmame não é um evento, mas sim um processo

Geralmente as pessoas pensam em desmame como algo ruim, uma palavra que lhes dá medo e culpa. A verdade é que o desmame faz parte da história de amamentação e quando ele acontece quando a criança esta preparada emocionalmente, ele deve ser comemorado como o início de uma nova fase na vida.

O que é desmame natural?

O desmame natural é quando o bebê conduz seu desmame sem que haja interferência de pessoas ou de objetos externos como chupetas e mamadeiras.

>> Desmame noturno: o mito que bebê e mãe dormirão melhor

Um bebê que usa chupeta e mamadeira não se considera que ele desmamou naturalmente.

Pesquisas comprovam que os bicos interferem na amamentação criando uma série de problemas e até “adiantando” o desmame.

A criança que não utiliza bicos artificiais e passa por um desmame natural em grande maioria irá se desmamar após os 2 anos de idade.

Veja aqui: O ciclo de problemas: chupeta, mamadeira e baixa produção de leite.

Uma criança que usa bicos não esta desmamada.

Do ponto de vista do desmame como o fim da necessidade de sucção e da maturidade da criança para não precisar mais da sucção não nutritiva para se satisfazer emocionalmente, usar bicos artificiais ainda satisfaz essa necessidade. E, retirá-los bruscamente também não é aconselhado, a não ser que a retirada dos bicos seja substituída pelo peito da mãe.

A criança não pediu por este “vício” na vida dela e o adulto (mãe, pai, avós, tios) inseriram, agora precisam fazer a retirada de forma gentil e sem traumas para ela.

Veja aqui: Como tirar a chupeta do bebê gentilmente e sem sofrimento

Quais os sinais de desmame natural?

1. A criança naturalmente troca algumas mamadas no dia por brincadeiras, abraços e carinhos com sua mãe.

Ela descobre que existem outras formas de se relacionar com ela além do peito.

2. A criança passa a dormir noites inteiras sem precisar do peito. Ou, quando acorda, consegue voltar a dormir de novo sem precisar mamar.

Isto significa que a criança decidiu assim e não que a mãe negou o peito, ok?

3. A criança dorme sem mamar e aprende a dormir de outras formas além do peito.

Muitos mamam para dormir e isto é muito normal, comum e saudável. Quando a criança já demonstra não precisar da sucção para entrar no sono é um sinal que ela esta começando a caminhar para o desmame natural.

>> Bebê que só dorme mamando: existe algum problema?

4. A criança esquece de mamar quando esta fazendo uma nova atividade.

5. Não pede para mamar na rua. Ou, ela consegue esperar chegar em casa ou consegue aceitar naturalmente sem protestar quando a mãe pede para que ela espere um pouco mais.

6. A quantidade de mamadas diminui aos poucos.

De 5 vai para 3, que vai para 2, que de repente virou apenas 1 mamada no dia.

7. Quando se machuca, esta com dor ou doente, a criança não vê mais o peito como único consolador emocional e aceita abraços, carinhos, beijos, palavras de tranquilidade e amor para se acalmar.

8. Quando fica muito tempo sem mamar e a mãe oferece o peito, a criança pode rejeitar e falar que não quer.

Isso porque já consegue lidar naturalmente com o fato de não mamar sempre durante seu dia e a mamada não é mais uma necessidade diária, principalmente quando ela esta bem em todos os aspectos físicos e emocionais.

9. A criança pode passar dias sem mamar, mamar de novo e voltar a passar dias sem mamar não seguindo um padrão de mamadas diárias.

10. A criança esta feliz mesmo não mamando. Continua fazendo todas suas atividades diárias, se alimentando normalmente e não chora quando não pode mamar em alguma circunstância.

Estes sinais de desmame não são dados por todas as crianças. O comportamento não é padrão e nem mesmo linear, seu filho pode passar por algumas dessas fases e ir desmamando naturalmente aos poucos. Este tipo de fase pode durar mais alguns meses e as vezes quase um ano ou mais. Não há um tempo determinado para que a criança deixe de mamar completamente.

É preciso não confundir algumas greves de amamentação com o desmame natural, nem sempre é isso e depois de alguns dias a criança volta a mamar normalmente.

Um desmame natural pode acontecer entre 2 anos até os 7 anos segundo o pediatra Carlos Gonzáles e não antes disto.

Uma criança que largou o peito antes dos 2 anos de idade, na verdade, passou por um desmame precoce. O desmame precoce pode ter vários motivos, ainda que ele tenha sido de forma tranquila e sem choro.

A palavra desmame causa muito tabu na maioria das mães e muitas sequer gostam de tocar neste assunto, mas é preciso trazê-lo a tona porque ele faz parte da história de amamentação da maioria das mulheres.

Independente do tipo de desmame que ocorreu na sua história, não se sinta culpada ou julgada quando esclarecemos sobre o assunto porque a informação é sempre uma aliada tanto para mães que amamentam, quanto para as que já não amamentam. A informação a deixará esclarecida e com suas dúvidas internas respondidas.

A opção pelo tipo de desmame, bem como sua data, é uma decisão da mãe. Não deixe que ninguém interfira nesta relação que cabe apenas a você e seu filho. Um desmame gentil e respeitoso direcionado pela mãe também é um bom desmame. E nada te impede de perceber os sinais de desmame e começar o desmame gentil.

Ficar atenta aos sinais de desmame é importante!

Um desmame brusco e com técnicas que causam sofrimento, angústia e que usem artifícios como a mentira e produtos que fazem a criança achar o peito ruim é sempre visto como violento e a criança lida com ele como se estivesse lidando com um luto, por isso é preciso evitá-lo.

Saiba mais sobre desmame:


Like it? Share with your friends!

1.2k shares

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
10
Gostei
Amei Amei
18
Amei
Ouwn Ouwn
4
Ouwn

Deixe um Comentário

comments

error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)