Mãe pode ser amiga do espelho

1 min


Mãe pode ser amiga do espelho
Mãe pode ser amiga do espelho

A maternidade é um marco na vida da mulher em todos os sentidos, inclusive no que diz respeito à vaidade.

Primeiro porque o seu tempo se torna escasso. Segundo porque os recursos vão sendo direcionados primeiramente para questões com o bebê. Como se já não bastassem as estrias, as olheiras, a barriguinha e o melasma – inimigos poderosos da mãe vaidosa – passamos a ficar sem tempo até para lavar o cabelo em casa, imagine ir ao salão ou academia.

Sabemos que a felicidade de ser mãe faz a beleza transparecer. A mulher acaba amadurecendo um pouco e possivelmente passa a se enxergar com mais confiança. Avalia mais as suas características interiores e deixa de se cobrar tanto em relação à aparência. O que é ótimo, afinal, ninguém aqui nasceu para ser escrava do espelho. Mas também não é preciso ser inimiga dele. Um batonzinho e um rímel fazem maravilhas naquela expressão cansada de quem passou a noite amamentando. Encontramos produtos cada vez mais práticos, como o protetor solar com cor de base e hidratante, batom que também funciona como blush e sombra, hidratante corporal para usar no banho. Enfim, diversos itens que dão um help quando o assunto é falta de tempo.

Leia também:

Acredito que as reflexões sobre a vaidade pós-maternidade vão muito além da aparência. O fator principal é que a mulher desperta em si uma necessidade latente de se cuidar, de estar bem para assim poder cuidar dos seus filhos. Atividades físicas e alimentação balanceada passam a ser ainda mais importantes, pois dão a segurança de que a mãe esta fazendo a sua parte para promover a saúde do corpo, o bem-estar e o equilíbrio emocional, ajudando a prolongar seus dias e sua felicidade.

Tem mulher que acaba perdendo sua identidade depois que se torna mãe. Foca na criança 24h por dia e se esquece do companheiro, dos amigos e dela mesma. Deixa para trás quem ela era e passa a ser apenas a mãe do fulano. Um filho pequeno precisa muito da mãe, mas com certo esforço e um pouco de apoio dos amigos e familiares, essa mulher pode aos poucos resgatar sua rotina de cuidados com ela mesma. Não apenas por vaidade, mas por amor próprio, amor aos outros e pela sensação de que sua identidade não ficou esquecida no quarto da maternidade.


Like it? Share with your friends!

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
0
Gostei
Amei Amei
0
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn

Deixe um Comentário

comments

error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)