Tempo de leitura deste artigo:3 minutos

Seja uma doadora de leite materno e tenha leite para o seu estoque na volta ao trabalho ajudando os bebês prematuros das UTIs.

Sendo uma doadora de leite materno, você só tem vantagens em todos os sentidos. Você ajuda bebês prematuros a terem disponível o melhor alimento do mundo e ainda se beneficia com este ato de empatia e amor.

Sim, aprender a ordenhar leite não é simples, é preciso aprender a técnica e praticar. No entanto quando você fica expert na ordenha, vai fazer isso de olhos fechados.

Doar leite para bancos de leite é uma boa forma de ir treinando a ordenha antes da volta ao trabalho, além de estimular sua produção de leite. Então, quando você precisa ordenhar para estoque terá uma produção de leite tinindo e saberá a técnica como ninguém, facilitando todo o processo.

Os bebês das UTIs agradecem e o seu bebê também.

Você pode ir ainda mais longe. Se você doa bastante leite para o banco de leite, eles fazem um combinando bacana com você.
 
Eles pasteurizam todo o leite que você ordenha e te devolvem metade dele para você ir fazendo seu estoque pessoal para o seu bebê. Eu fiz assim, meu congelador quase não cabia leite materno de tanto que tinha estocado. Doava leite desde os 2 meses do meu filho e quando disse para elas que estava preocupada com a volta ao trabalho e meu estoque, elas se ofereceram para pasteurizar meu estoque pessoal, assim eu poderia ir guardando antes de 15 dias o leite e ter um tempo maior para ir estocando.
doadora de leite materno

Foi sensacional! Fiquei vibrante. No fim mudei todo meu esquema de trabalho e até o leite que elas pasteurizaram para mim, eu doei para o banco de leite, já que estaria presente nas mamadas do meu filho.

Porque eu acho que doar leite te favorece na volta a trabalho também quando você combina esta pasteurização com o banco de leite? Por que em vez de começar as pressas com 15 dias para aprender a ordenhar e fazer estoque, você já vai ter começando 2 ou 3 meses antes.
 
Vai ter leite para amamentar e doar! Eu não sei se todos os bancos de leite humano tem essa opção para mães, mas acredito que sim, já que eles precisam pasteurizar o leite doado de qualquer forma. Converse com o banco de leite e veja esta possibilidade. Todo mundo sai ganhando: você, seu bebê e os bebês das UTIs!
Leia também:

Deixe um Comentário

comments