Tempo de leitura deste artigo:2 minutos

Para amamentar é preciso entender que a disponibilidade é essencial.

Para amamentar é preciso se desapegar da sensação de estar “presa” ao aleitamento, porque estar disponível e muito bem resolvida com isto é importante durante todo o processo.

Para amamentar é preciso entender que nem sempre como mãe, você poderá fazer o que quer e na hora que quer, mas sim, na hora do bebê. Principalmente quando se esta amamentando em livre demanda, se disponibilizar e colocar a amamentação como prioridade será importante.

As vezes a mãe deseja fazer uma outra atividade em vez de amamentar naquele momento, no entanto, o bebê quer mamar. O que fazer?

Ficar frustrada com a sensação de não ser mais dona de si pode colocar a perder todo o seu processo de amamentação, pois é aí que nasce a sensação de estar presa a amamentação e de querer sua vida de volta.

Para amamentar é preciso saber que não apenas pela amamentação, mas pela maternidade em si, não haverá uma vida anterior ao bebê, de volta. O que a mãe terá a partir dali é a história dela se reconstruindo junto a de seu filho.

Para isso, as vezes, é preciso abdicar de algumas coisas, adiar outras e repensar. O que você realmente quer? Se a resposta for amamentar, então, saiba: é preciso estar disponível e bem resolvida com isso.

Quando o bebê pede, na hora que ele pede, quando ele precisa, quando você estiver com vontade de fazer outra coisa.

Para amamentar é preciso estabelecer em sua nova vida materna prioridades. Quais são as sua prioridades? Se for a amamentação, então, se colocar disponível não será um sofrimento e muito menos te dará a sensação de estar presa.

Se sua prioridade for amamentar, realmente…você provavelmente vai achar todo o resto da maternidade muito mais difícil do que amamentar.

Leia também:

Deixe um Comentário

comments