Tempo de leitura deste artigo:8 minutos

O sono é um dos temas mais comentados entre pais. Saber as diferenças entre sono de bebê e de adultos pode te dar uma visão mais tranquila a respeito.

As diferenças entre sono de bebê e de adultos parecem claras de forma prática, afinal de contas, você vê o tempo inteiro que seu bebê tem um padrão de sono completamente diferente do seu ou, praticamente não dome.

O sono é fundamental para a saúde e bem estar geral em todas as idades, desde recém-nascidos até adultos. Crianças e adultos dormem de forma completamente diferentes. Entre quantidade de tempo e vezes em que passa do sono profundo para o sono leve, isto tudo depende da idade.

Bebês são biologicamente programados para dormir de forma mais leve e passam mais tempo na fase leve de sono, acordam com maior frequência noturna e este é o normal deles. Sim, o normal.

Veja aqui: Amamentação noturna e padrão de sono dos bebês e aqui: Por que recém-nascidos acordam tanto a noite?

Por que dormir?

Gastamos cerca de um terço de nossa vida dormindo. Dormir faz parte de uma vida saudável.

Crianças e adultos precisam dormir o suficiente para que possam brincar, aprender e se concentrar durante o dia. Muita coisa acontece em nossos corpos e cérebros enquanto dormimos.

No escuro, as crianças produzem o hormônio do crescimento e estas é uma das razões que elas precisam dormir mais horas de sono que os adultos, por mais que nos bebês este sono seja interrompido com suas acordadas noturnas. Veja aqui: Dormir para crescer: o hormônio do crescimento nas crianças. Os corpos e cérebros das crianças precisam trabalhar bastante para crescer e fazem isto melhor quando elas dormem.

Sono leve e sono profundo

O sono leve também é chamado de fase REM ou movimento rápido do olho. O sono profundo chama-se fase NREM. Você já teve aquela sensação de saber que esta dormindo enquanto estava dormindo? Que loucura né? Pois, é, provavelmente você estava na fase leve de sono e sua consciência sabe que você esta dormindo, apesar de continuar trabalhando. É durante o sono leve que você sonha e pode acordar.

O sono leve é mais agitado, as vezes cheio de aventuras ou pesadelos nos sonhos. Você se mexe mais, se ajeita na cama, acorda e dorme novamente sem muito esforço.

O sono profundo é quando realmente descansamos, ele é pacífico e tranquilo. É o momento em que crescemos (principalmente as crianças) e nos curamos. Quando uma pessoa esta em sono profundo ela dificilmente acorda se não tiver dormido tudo que precisa e se for acordada antes do tempo pode ficar sonolenta o resto do tempo, crianças ficam extremamente estressadas.

Ciclos de sono

Durante a noite, adultos e crianças mudam repetidamente de um ciclo para outro. Entre sono leve e profundo. E isto é totalmente normal.

Cerca de 80% do nosso sono na parte inicial da noite é um sono profundo. Em seguida o ciclo se altera para um sono normal e pela manhã, cerca de 80% do nosso sono esta em um ciclo leve. Por isso que você pode acordar mais facilmente pela manhã, porque esta geralmente é sua fase final.

Com as crianças não acontece desta forma, e a forma como as crianças dormem também é normal para a idade delas.

Diagrama mostrando os ciclos de sono das crianças pequenas e como elas flutuam entre o sono leve e o sono profundo:

Diferenças entre sono de bebê e de adultos

Ciclos de sono em bebês e crianças

Os ciclos de sono profundo e leve em bebês flutuam entre 30-50 minutos, em seguida aumentam gradualmente o tempo durante a infância. É por isto que treinamentos de sono são prejudiciais. Eles atentam contra a natureza de sono dos bebês interrompendo um processo de desenvolvimento que deveria ser natural.

Alguns bebês e crianças dormem profundamente rapidamente. Outros dormem levemente, inquietos e murmurando por até 20 minutos, antes de entrar em sono profundo.

Bebês e crianças acordam de forma breve ao final de cada ciclo de sono, todas fazem isto e fazer isto é completamente normal. Algumas crianças e bebês irão chorar ou chamar quando acordam, outras irão voltar a dormir.

A maior questão para os pais esta naqueles que precisam dos pais para voltarem a dormir. Alguns precisam mamar para voltar a dormir, outros aproveitam a acordada para sair de suas camas e irem para a cama dos pais dormir junto com eles.

Contato, amamentação e acolhimento: fazem as crianças voltarem a dormir tranquilas novamente.

Algumas precisam disto por mais de 5 anos, outras com menos idade já conseguem se estabelecer sozinhas quando acordam e voltam a dormir.

Ciclos do sono na adolescência e na idade adulta

Para adultos e adolescentes, os ciclos de sono duram cerca de 90 minutos. Então você dorme por mais ou menos uma hora e meia, até mudar de um ciclo para outro, as vezes acorda e dorme de novo logo em seguida ou simplesmente passa pelo sono leve e sono profundo, dormindo ainda.

Estas acordadas entre as mudanças de ciclos não interrompem o sono, estamos conscientes delas e voltamos a dormir normalmente. Ajeitamos o travesseiro, mudamos de posição e continuamos a dormir. Se por acaso, no meio desta mudança de ciclo ocorre algum ruído ou desconforto, acordamos.

Como os ciclos do sono mudam ao longo do tempo

Ao longo do tempo e conforme o bebê se desenvolve, o ciclo de sono vai mudando junto com ela. Bebês a termo passam quase metade do seu tempo de sono, no ciclo leve de sono e com ciclos mais curtos que os de adultos.

Isso significa que os bebês são biologicamente programados para dormir mais levemente e despertam mais do que os adultos.

Aos três anos de idade, 33% do sono é leve. Até mais ou menos os 13 anos de idade, apenas cerca de 20% do nosso tempo de sono é sono leve.

Quanto dormimos:

Com menos de seis meses, os recém-nascidos dormem durante o dia e a noite com sonecas e sonos curtos.

Bebês com idades entre 3-6 meses podem começar a se mover em direção a um padrão de sono de até duas horas de sono diurno cada. Eles ainda podem acordar pelo menos uma vez à noite (ou mais).

Aos 6-12 meses, os bebês têm seu sono mais longo durante a noite (ou não).

Entre 6 e 12 meses, a maioria dos bebês deveriam estar na cama entre as 18h e 21h. Eles geralmente levam menos de 30 minutos para dormir (mas cerca de 10% dos bebês demoram mais tempo).

A maioria dos bebês pode dormir por um período de seis horas ou mais à noite e acordar menos.

  • 60% dos bebês acordarão durante a noite pelo menos uma vez e precisarão que um adulto o acalme e o coloque para dormir de novo.

  • 1 em cada 10 bebês irão chamar os pais de 3 a 4 vezes por noite.

  • Mais de um terço dos pais dizem que seus bebês têm “problemas com o sono” nesta idade.

  • Cerca de 85-90% dos bebês com idade entre 6-12 meses ainda cochilam de dia. Eles duram 1-2 horas. Alguns bebês dormem mais.

Acordar a noite para a criança também esta relacionado com a separação de sua mãe ou pai. Superar esta preocupação leva tempo, é normal e necessária para todas as crianças como um passo rumo ao desenvolvimento.

A partir de 12 meses, as crianças tendem a dormir melhor, mas isto não é uma regra (nunca é).

Algumas crianças começam a resistir a dormir à noite, preferindo ficar com a família – este é o problema de sono mais comum relatado pelos pais. Isto pode durar cerca de 18 meses e melhorar com a idade.  Menos de 5% de bebês com dois anos de idade irão acordar três ou mais vezes durante a noite.

A partir de 3 anos: crianças com idades entre 3-5 anos precisam de cerca de 11-13 horas de sono por noite. Alguns também podem ter cochilos diários que duram cerca de uma hora.

A partir de cerca de 5 anos de idade, as crianças já não precisam das sonecas do dia.

Crianças com idade entre 6 e 9 anos precisam de 10-11 horas de sono por noite.

Eles geralmente estão cansados ​​após a escola, mas conseguem esperar para dormir até depois das 19h.

A partir de 10 anos, as crianças que entram na puberdade geralmente precisam de cerca de 9 horas e meia de sono por noite para manter o melhor nível de vigilância durante o dia.

É normal que durante a adolescência eles queiram ir para a cama mais tarde – muitas vezes cerca de 11 horas ou mais – em seguida, levantam-se mais tarde de manhã.

Mais de 90% das crianças adolescentes não recebem a quantidade recomendada de sono durante a semana, em dias escolares. Conseguir dormir o suficiente e ter um sono de boa qualidade é importante durante este período, porque o sono é vital para o pensamento, aprendizagem e habilidades de concentração.

Leia mais: 

Deixe um Comentário

comments