Depressão pós-parto com um bebê mais velho: pode acontecer?

2 min


295 shares
Depressão pós-parto com um bebê mais velho

Não são apenas as mães novas que sofrem com o problema, a depressão pós parto com um bebê mais velho também pode dar as caras na vida de muitas mães.

A depressão pós-parto com um bebê mais velho acontece na realidade de muitas mulheres, mas como assunto é pouco discutido, quase não sabe sobre.

Muitas mulheres podem pensar que a depressão pós-parto só acontece com mães quando seus bebês são muito jovens, quando são recém-nascidos ou até menos de seis meses. Mas as mulheres podem sentir os efeitos da depressão pós-parto bem após o nascimento do bebê, mesmo quando o bebê é maior de um ano de idade.

E como hoje em dia mais e mais mulheres estão contando sobre suas experiências com a depressão pós-parto, estamos aprendendo que a doença pode afetar as mulheres de formas muito diferentes.

Quando pode ocorrer a depressão pós-parto?

O American College of Obstetricians and Gynecologists explica que a depressão pós-parto pode ocorrer em mulheres até o primeiro aniversário do bebê. E, obviamente, não há nenhuma regra específica que somente “até 1 ano de idade”, pode ser depois também. Apesar de seu nome, depressão pós-parto não é apenas um distúrbio que acontece com as mães de recém-nascidos.

Há ainda mais provas de que a depressão pós-parto pode realmente ser uma manifestação de depressão não tratada antes da gravidez, por isso pode ser uma questão de saúde mental que cresce e se torna mais grave devido às flutuações hormonais, privação de sono e o estresse da nova rotina da maternidade.

Algumas mães experimentam depressão após o desmame de seus bebês, que para muitas mulheres pode ocorrer até depois de um ano de idade ou ainda mais velhos.

Ainda não entendemos exatamente como ou por que algumas mulheres têm depressão pós-parto e há muitos fatores que podem contribuir para isso.
Não importa o quão velho seu bebê é – se você está experimentando sintomas, é sempre melhor conversar com um médico sobre o que você está passando.

Como saber se é depressão pós-parto?

Você deve ter em mente que existem diferenças entre depressão pós-parto e “baby blues“. É normal experimentar uma ou duas semanas de melancolia ou sentir seu emocional sensível no pós-parto.

Mas qualquer coisa que dure mais de três semanas pós-parto e que estiver interferindo com suas atividades diárias precisa de ajuda profissional e orientação.

Muitas mulheres pensam que sua depressão pós-parto não é “grave” ou que ela vai embora sozinha e podem atrasar o tratamento desnecessariamente. No entanto, depressão pós-parto é comum e afeta cerca de 1 em cada 7 mulheres.

Uma das partes mais difíceis sobre a depressão pós-parto é reconhecê-la quando ela está acontecendo, pois muitas mulheres pensam que é normal se sentir constantemente tristes ou cansadas.

Mesmo que ter um bebê seja complicado e a adaptação a nova rotina difícil, isto não pode ser um sentimento desolador para você.

Se você está tendo algum dos seguintes sintomas, procure ajuda médica imediatamente:

  • Perda de interesse em atividades que você sempre gostou;
  • Evitar interação social;
  • Mudanças de humor excessivas;
  • Choro ou um sentimento de desesperança / tristeza;
  • Sentimento de culpa constante;
  • Sensação de não ser uma boa mãe;
  • Qualquer sentimento onde você tenha vontade de machucar seu bebê ou se machucar.

Leia também:

Fontes: American College of Obstetricians and Gynecologists. (2013). FAQ: Postpartum depression.


Like it? Share with your friends!

295 shares

What's Your Reaction?

Uau Uau
0
Uau
Gostei Gostei
2
Gostei
Amei Amei
0
Amei
Ouwn Ouwn
0
Ouwn

Deixe um Comentário

comments

error: Este conteúdo é protegido pelas leis de direitos autorais, não copie, compartilhe. :)